O café verde rejuvenesceu minha pele e levou uns quilinhos embora

Uso creme antirrugas desde os 13 anos. Sempre fui muito vaidosa, herança da minha mãe que até para ir ao mercado passava todos os seus produtos de beleza. Sempre tive a ideia que seria jovem para sempre e, até o fim dos 20 anos, tive mesmo uma pele de bebê. Isso foi sempre motivo de orgulho e achava que seria assim para sempre. Agora que cheguei aos 30 anos, passei a reparar que minha pele está bonita, mas sempre que me olho no espelho, vejo algumas linhas de expressão e isso andava me incomodando muito a ponto de eu comprar mais e mais cremes anti-idade.

No meu aniversário de 31 anos recebi um presente maravilhoso. Fui convidada para ser madrinha de casamento da minha irmã caçula. A Flávia iria se casar e eu estaria ali, ao seu lado, como sempre fiz. Não conseguia pensar em mais nada. Vestido, cabelo, maquiagem, sapatos novos. Tudo o que eu mais gostava. E foi aí que meu pesadelo começou. A prova de cabelo e maquiagem, a três meses do casamento, fez meu mundo cair. O salão de beleza que eu escolhi tinha uns espelhos enormes e com grau. Eu só conseguia enxergar pés de galinha, linhas na minha testa e uma bolsa enorme nos meus olhos. Como aquilo poderia ter acontecido comigo?

Eu não podia estar daquele jeito no dia mais importante da vida da minha irmã e, daquele jeito, eu não poderia estar a seu lado. Comecei a pesquisar na internet um jeito de me livrar daquelas marcas. Cremes, receitas caseiras, máscaras e cirurgia. Eu que sempre tive medo até de tirar sangue, comecei a considerar entrar na faca. Meu marido tentava me convencer que eu continuava linda, que a maturidade tinha me deixado ainda mais bonita, mas eu não conseguia nem prestar atenção direto no que ele falava. Fiquei obcecada com ideia de me livrar daquelas marcas do tempo.

Tomei coragem e marquei uma consulta com o médico. Estava convencida que uma cirurgia seria a minha salvação. Quando o médico começou a explicar como é feito o procedimento, passei mal. Só de me imaginar passando por aquilo, imaginando a recuperação, desisti. Nunca fui corajosa para essas coisas. Resultado: agora estava me sentindo mal pelas rugas e por não tem coragem de mudar isso. Saí do consultório arrasada. A recepcionista da clínica percebeu que eu estava chorando e fez de tudo para me acalmar.

Fiquei ali sentada ao lado dela me achando covarde e velha, imaginando como seria encarar o casamento da minha irmã. Quanto mais eu pensava, mais as lágrimas escorriam. A recepcionista então me perguntou o motivo do choro. Fiquei apreensiva em contar algo tão pessoal, mas precisava botar para fora aquela agonia. Contei tudo, dos pés de galinha ao pavor de qualquer procedimento médico. Com a maior tranquilidade, ele me contou que já presenciou isso várias vezes ali na clínica.

A Clara me deixou tão calma, que logo imaginei que ela fosse dessas mulheres que praticam Ioga, meditam e não se importam muito com a vaidade feminina. Fiquei até com uma ponta de inveja da tranquilidade dela. Mesmo sem maquiagem, ela tinha uma beleza serena. Errei por pouco, já que a Clara pratica Pilates em vez de Ioga. Ela me contou que acredita que a beleza primeiro tem que partir de dentro, de alimentação e mente saudáveis e mais uma ajudinha da natureza. Não entendi e perguntei o que ela queria dizer com aquilo.

Ela tirou um pote de cápsulas da bolsa e eu pude ler: café verde. Não entendi como uma pessoa aparentemente tão serena poderia tomar cápsulas de café para ficar calma e bonita. Eu mesma não gosto muito de tomar para não ficar ainda mais acelerada.

Ela contou que o café verde é o grão ou a semente de café que ainda não foi torrado, por isso, possui benefícios e substâncias capazes de trazer diversos benefícios para o corpo humano, como auxiliar na luta contra os radicais livres, que causam o envelhecimento precoce da pele. Além disso, possui altas quantidades de ácido clorogênico, que acelera o metabolismo do corpo mandando embora uns quilinhos indesejáveis.

Marquei uma consulta com minha nutricionista, queria saber se o produto era seguro, se havia contraindicação ou efeitos colaterais. Ela me disse que o café verde é considerado seguro e sem efeitos colaterais para a maioria das pessoas, mas que era sempre importante verificar a quantidade por se tratar de cafeína. No meu caso ela me indicou duas cápsulas ao dia. Em uma semana eu já estava tomando e aguardando os resultados.

O casamento da minha irmã é daqui a 15 dias e já me sinto muito mais confortável com o meu rosto nesses dois meses. Fora que tive que ajustar o meu vestido, porque acabei perdendo 5 quilos no período.

Às vezes fico sem acreditar nos benefícios que consigo sentir no meu corpo. Além da perda de peso e de me ajudar a suavizar as linhas de expressão, a aventura de ser madrinha me mostrou que envelhecer é inevitável, mas que envelhecer cuidando da gente com carinho pode ser bem agradável. Hoje entendo o que meu marido quis dizer sobre a maturidade. Aprendi com ele e com a Clara que a mudança deve respeitar os nossos limites.

Claro que não deixei os meus cremes de lado, pelo contrário, ainda carrego todas eles na bolsa, assim como minhas cápsulas de café verde, que me deu uma aparência mais jovem, energia e, claro, uns quilos a menos, para estar linda no dia mais especial na vida da minha irmã.

Onde comprei cápsulas de Café Verde?

Depois que fiz esse post recebi dezenas de mensagens de pessoas querendo saber onde comprei as cápsulas de café verde.

Depois de pesquisar MUITO, passar horas em fóruns e grupos do Facebook e analisar as receitas de mais de 5 produtos similares optei por comprar um produto chamado GREEN COFFEE CAPS.

Fiz tudo através da internet e tudo correu muito bem. O atendimento foi rápido e o produto chegou no prazo. Se você quiser saber mais sobre esse produto o site dele é: http://greencoffeecaps.com

 

Experimente com 50% de DESCONTO, em 12 PARCELAS e FRETE GRÁTIS

Se você não ficar satisfeita devolvemos o seu dinheiro

Atenção: Essa promoção se encerra em:

Clique AQUI Para Experimentar o GREEN COFFEE CAPS

 

 

Curto muito

Uma publicação compartilhada por Ana paula – Muito Mais Leve (@muitomaisleveblog) em

Tags:, , , ,

Related Posts

by
Oie! Sou a Ana, moro no interior de São Paulo, tenho 31 anos e sou mãe do Mateus e da Bia. Estou lutando para ter o corpo dos meus sonhos e em busca de mais qualidade de vida. Me acompanhe nessa jornada.
Previous Post Next Post
0 shares

Você ganhou 50% de desconto para comprar as melhores CÁPSULAS de Café Verde